Seja bem-vindo

Horário de funcionamento:

Seg-Sexta
8hs às 12hs
14hs às 18hs

Fale conosco


95) 3623-0487
faleconosco@sinterroraima.com.br

Sinter

Sinter

Após ouvir as reclamações dos pais, alunos e professores sobre a ausência de transporte escolar para atender às necessidades dos alunos matriculados na escola Nova Esperança, que estão desde o início do ano sem aula, o diretor geral do Sinter, professor Jefferson Dantas, disse que o Sinter vai acompanhar de perto a situação e dar o apoio necessário para que o problema seja resolvido o quanto antes, pois os principais prejudicados são os alunos e os professores em Educação.

“É lamentável que estejamos vivendo um problema assim que atinge diretamente os professores e os alunos da escola, pois mesmo indo todos os dias ao trabalho os professores não podem dar suas aulas por falta de alunos e depois terão que sacrificar suas férias para repor aulas que já deveriam ter sido dadas e nós do Sinter não podemos ficar omissos diante desta realidade”, disse Jefferson Dantas.

Ele disse ser uma situação complexa, tendo em vista que o governo afirma que a responsabilidade do problema é do empresário do transporte escolar contratado e por sua vez o empresário afirma que não está cumprindo com suas obrigações porque não recebe.

“De imediato, não queremos saber de quem é a responsabilidade. Queremos que o problema seja resolvido pois não podemos aceitar que estando para entrar no terceiro semestre do ano letivo esses alunos não tenham concluído ainda o primeiro bimestre. E identificar de quem é a culpa disso é dos órgãos fiscalizadores, seja no âmbito estadual ou federal”, destacou o diretor geral do Sinter.

A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Roraima (Sinter), informa aos seus sindicalizados e à população em geral que hoje pela manhã esteve na Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz) em busca de informações relativas ao Pagamento do Salário dos Trabalhadores em Educação referente ao mês de junho de 2018,   previsto anteriormente para ser efetuado na data de hoje.

Naquela secretaria, a informação obtida é que a equipe técnica da Sefaz – juntamente com o secretário Leocádio Vasconcelos, estaria mobilizada para resolver a situação do bloqueio das contas do Governo do Estado, feita pela Justiça Federal em atendimento ao pedido da Receita Federal pelo não repasse do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) à União, nos últimos três meses.

Mesmo assim, conforme informações não oficiais, mesmo com os recursos bloqueados, a previsão é de que o Pagamento dos Trabalhadores em Educação seja efetuado ainda na data de hoje, conforme previsto.

Entretanto, diante dessa situação de incerteza, a direção do Sinter esclarece que já acionou a assessoria jurídica da entidade para que tome as providências cabíveis sob o aspecto jurídico para exigir judicialmente o pagamento do salário da categoria.

Na oportunidade, convoca todos os sindicalizados para ficarem em estado de alerta para uma possível Mobilização dos Trabalhadores em Educação - para uma mobilização a qualquer momento na frente do Palácio - para os próximos dias caso o pagamento não seja efetuado na maior brevidade possível.

 

Boa Vista-RR, 10 de Julho de 2018

Direção do Sinter

A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter), através do departamento dos aposentados, sob a coordenação das professoras Célia Macêdo Rodrigues e Conceição das Graças M. Vieira, titular e suplente respectivamente, realizou no final da tarde desta sexta-feira, 20, a tradicional festa em homenagens aos professores aposentados sindicalizados.

De acordo com a professora Célia Rodrigues, a homenagem aos sindicalizados aniversariantes aposentados é realizada há cerca de cinco anos, porém, no início o evento era realizado semestralmente e há dois anos passou a acontecer a cada três meses.

“A festa em homenagem aos aposentados aniversariantes no trimestre é apenas uma das muitas atividades que realizamos no decorrer do ano para integrar os sindicalizados aposentados e é uma forma de reconhecer o trabalho desses professores que muito ajudaram na Educação de nosso estado e na própria organização e fortalecimento sindical”, disse Célia Rodrigues.

Por sua vez, a professora Virginia Fin, a mais idosa presente ao evento, fez questão de agradecer a homenagem prestada aos sindicalizados aposentados.

“É bom podermos participar de encontros como esses, pois revemos amigos, ex-colegas de trabalho e ativamos nossas lembranças, por isso acho muito importante essa iniciativa do Sinter e em todos os eventos sempre faço questão de participar, pois sempre tive uma vida ativa dentro das atividades de nossa entidade sindical”, disse animada a professora Virginia.

Já o diretor geral do Sinter, professor Jefferson Dantas, agradeceu pelo trabalho que vem sendo realizado pelas diretoras do departamento dos Aposentados e agradeceu a presença dos homenageados.

““Para nós é uma honra podermos receber cada um de vocês na sede do nosso sindicato. Reconhecemos o papel histórico que cada um desempenhou desde os primeiros anos de constituição do Sinter até os dias atuais. Temos muito o que aprender e nos sentimos orgulhosos por vocês continuarem participando das atividades que nossa entidade sindical realiza. Parabéns!”, disse.

Quinta, 17 Maio 2018 14:54

Nota de Esclarecimento Sinter

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter) informa aos seus sindicalizados que esteve reunido com o secretário estadual de Educacão, José Gomes da Silva, na manhã da quarta-feira, 16, numa segunda rodada de negociação para tratar dos pleitos da categoria: Enquadramento; Concurso público; Pagamento das progressões horizontais e verticais; Atendimento na junta médica; Contrato de 25 horas e cumprimento das 16; Debate sobre a Militarização das escolas; Pagamento do desconto indevido da Gid no Iper; Esclarecimentos por parte do governo dos recursos da Educação; Pagamento do terço de férias sobre os 45 dias e data base.

A direção do Sinter cobrou do secretário as pendências com a categoria. Por sua vez, o secretário fez questão de informar que o Governo reconhece como legitimas as reivindicações apresentadas pelo sindicato e que o problema não é má vontade, mas falta de recursos financeiros. Mesmo assim, disse que na medida do possível os pleitos serão atendidos na maior brevidade possível.

Ao final da reunião ficou agendado um novo encontro para a sexta-feira, 18, com a presença dos demais secretários de Estado para a busca de soluções práticas quanto ao pagamento das progressões, devolução dos descontos do IPERR, enquadramento, Data base, etc.

Boa Vista-RR, 17 de Maio de 2018

Direção do Sinter

O Departamento dos Técnicos Educacionais informa que o SINTER está trabalhando em uma ação judicial contra o Estado de Roraima, para que seja restabelecido o pagamento do Adicional Noturno dos vigias que foi cortado pelo Governo do Estado desde o mês de abril de 2017.

Por esse motivo, o SINTER SOLICITA que os servidores sindicalizados no SINTER, detentores do cargo efetivo de auxiliar de serviços gerais que trabalham na função de vigia na Secretaria de Estado da Educação de Roraima, que tiveram seu adicional noturno cortado desde o mês de abril de 2017, que entregue os documentos abaixo relacionados, para que o Sindicato entre com uma ação judicial para o restabelecimento do pagamento do adicional noturno.

1) Cópias das escalas de vigias dos meses de fevereiro, março e abril de 2017 junto ao Memorando que a Escola ou outro órgão da educação básica enviou as escalas de vigias ao Chefe da Seção da Folha de Pagamento da Divisão de Pessoal do Departamento de Recursos Humanos da Secretaria de Estado da Educação e Desporto de Roraima – DIPES/DRH/SEED, estando essas escalas de vigias devidamente assinadas pelo(a) gestor(a) da escola e pelo servidor da função de vigia;

2) Cópias dos contracheques dos meses de fevereiro, março, abril, maio de 2017 e do mês corrente;

3) Cópias das frequências diárias do mês de fevereiro ao mês corrente, assinadas pelo(a) gestor(a) da escola e pelo servidor da função de vigia;

4) Cópia do CPF e RG.

Atenciosamente,

Boa Vista-RR, 06 de junho de 2018.

MICHEL NOGUEIRA

Diretor do Departamento dos Técnicos Educacionais

A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Roraima (Sinter) esteve reunida na última sexta-feira, 15, com os secretários estaduais da Fazenda e da Educação, Leocádio Vasconcelos e Cristina Paim, respectivamente.

Na pauta da reunião estavam as principais reivindicações da categoria, tendo como destaque a restituição do valor retirado indevidamente sobre o valor da Gratificação de Incentivo à Docência (GID) e sobre as progressões verticais e horizontais.

Estiveram na mesa de negociação - representando o Sinter - os professores Jefferson de Souza Dantas, diretor jurídico e diretor geral interino;  Cheiliana Lima da Silva, diretora do departamento de política e formação sindical e Valdemar Jose da Silva Junior, do departamento dos estaduais.

Na oportunidade, os secretários afirmaram que receberam a orientação da governadora Suely Campos (PP) de resolver as pendências existentes em relação as pautas dos trabalhadores em educação.

Entretanto, ambos pediram um prazo maior para analisar os pleitos e as condições financeiras do estado para que possam apresentar propostas objetivo para a categoria, tendo em vista que estão há poucos dias nos cargos.

“Estamos atentos para essas questões apresentadas pelo Sinter e vamos na maior brevidade possível analisar cada situação para que possamos falar com propriedade e de fato dizer o que será possível fazer e de que maneira”, disse o secretário da Fazenda.

“Para se ter uma ideia, mesmo antes de assumir eu já havia solicitado um levantamento minucioso sobre a questão das progressões horizontais e funcionais e nossa assessoria já está em fase de conclusão da análise para que na próxima reunião possamos discutir com base em dados objetivos”, disse Cristina Paim.

SINTER:  De acordo com os dirigentes do Sinter, a próxima reunião com os novos secretários estaduais ficou agendada para o dia 02 de julho, quando esperam sair do encontro com resultado positivo para apresentar para a categoria.

De acordo com o professor Jefferson Dantas, os diretores entenderam que de fato os novos secretários precisavam de um tempo para se situarem sobre as questões e para apresentarem soluções que atendam aos anseios, as necessidades e os direitos dos trabalhadores em educação.

“Compreendemos que os novos secretários precisem do tempo que pediram e vamos aguardar o prazo que pediram. Pois o que queremos é que as reivindicações legitimas da nossa categoria sejam atendidas. Caso isso não ocorra, vamos procurar outros mecanismos para que isso aconteça, ou seja, temos o caminho da Justiça e o da mobilização da categoria através de manifestações, paralisações e em último caso, greve”, disse Jefferson Dantas.

Um grupo de pais, alunos e professores da escola estadual Nova Esperança, localizada na vila do mesmo nome no Projeto de Assentamento Sumaúma, município de Mucajaí, compareceu na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Roraima (Sinter) em Boa Vista, na manhã desta quinta-feira, 05, para pedir apoio em relação a ausência de transporte escolar que atende os cerca de 400 alunos daquela comunidade escolar.

De acordo com os pais, a vinda do grupo para Boa Vista foi em função do descaso do Governo do Estado com a oferta do transporte escolar que desde o início do ano não vem acontecendo, impedindo que o primeiro bimestre tenha sido concluído até hoje. E a justificativa do empresário responsável para atender a rota da escola é de que desde o ano passado não recebe para fazer o serviço.

A escola atualmente conta com pouco mais de 300 alunos distribuídos no ensino fundamental, ensino médio e EJA e é a única unidade escolar que atende crianças e jovens daquela localidade. Segundo uma professora que preferiu não se identificar, o problema persiste desde o início do ano e praticamente não está havendo aulas pois mais de 80% dos alunos necessitam de transporte escolar.

Os pais informaram que já formalizaram diversas reclamações junto a Secretaria de Educação e ao Ministério Público Estadual e até o momento nada foi feito.

“A própria governadora Suely Campos esteve há 15 dias na nossa região e prometeu resolver a situação com urgência, mas até hoje nada foi feito e precisamos de uma solução imediata para o problema”, disse um dos pais.

O pai de dois alunos, morador da vicinal quatro, Lorival Santos Silva, explicou que diante do descaso para com o problema que os alunos estão enfrentando, os pais resolveram se mobilizar e vir para Boa Vista para cobrar mais uma vez uma solução.

“Nós queremos uma solução e por isso estamos pedindo apoio do Sinter e indo ao Ministério Público Federal para que alguém tome as providências necessárias para resolver a questão, pois nossos filhos precisam ter o direito de estudar garantido”, afirmou.

Por sua vez, o empresário responsável pelo transporte escolar daquela região, Salomão Lima da Silva, que também se apresentou como presidente da Associação do Transporte Escolar de Roraima, disse que não recebe do Governo desde novembro do ano passado e que não tem condições de manter um serviço sem receber os valores acertados contratualmente com a secretaria de Educação.

“Estou aqui acompanhando os pais e alunos, pois tenho interesse que essa situação se resolva. Já fiz várias denúncias sobre esse problema, mas nada foi feito. Acredito que com a mobilização dos pais e a vinda ao Ministério Público Federal talvez haja uma solução.

De acordo com um servidor do Ministério Público Federal que atendeu o grupo de pais e alunos, a denúncia foi formalizada e será encaminhada para um dos promotores para as apurações devidas, ouvindo as partes envolvidas e buscando dar uma resposta positiva aos denunciantes.

Quinta, 31 Maio 2018 14:43

COMUNICADO AOS VIGIAS ESTADUAIS

O Departamento dos Técnicos Educacionais SOLICITA QUE OS SERVIDORES ABAIXO RELACIONADOS se dirijam até a sede estadual do SINTER em Boa Vista–RR, na Av. Santos Dumont, nº2018, Bairro: 31 de março, munidos de seu RG, CPF, Contracheque atualizado e Comprovante de Residência PARA AUTORIZAR a Assessoria Jurídica deste sindicato a tomar as devidas providências quanto ao RESTABELECIMENTO DO ADICIONAL NOTURNO que foi cortado pelo Governo de Roraima desde o mês de abril de 2017.

Aos servidores que trabalham nos municípios do interior, que não tem possibilidade de vim até a sede do SINTER em Boa Vista-RR, entrem em contato pelos telefones (95) 3623-6731 e 3623-0487.

RELAÇÃO DOS SERVIDORES:

1. ANTONIO PAIVA DE ALMEIDA NETO
2. CARLOS BASTOS BARRETO
3. CARLOS MAGNO FERREIRA MORAIS
4. FRANCINEI RODRIGUES DE MAGALHÃES
5. FRANCISCO ARAUJO DA SILVA
6. FRANCISCO CARLOS DE BRITO CORDEIRO
7. FRANCISCO EDIZIO MARCULINO
8. FRANCISCO NOGUEIRA DE LIMA
9. JORNILTON ROBSON ALVES DA SILVA
10. MANOEL SOUSA OLIVEIRA
11. MICHEL SOUZA NOGUEIRA
12. OZIVALDO TEIXEIRA PEIXOTO

Terça, 27 Março 2018 14:41

ALERTA AOS SERVIDORES FEDERAIS

O SINTER vem esclarecer aos trabalhadores em educação da esfera federal, que possuem ação patrocinada por este Sindicado, que não se deixem enganar por pessoas que estão querendo induzir os trabalhadores em educação com falsas promessas de pagamento imediato dos seus direitos. Salienta-se que todo e qualquer pagamento, quando da oportunidade, será oficialmente comunicado em Assembleia Geral e formalizado com autorização do SINTER e acompanhamento dos advogados do Sindicato.

Outrossim, informamos que as referidas ações dos Federais, patrocinadas por entidade, estão sendo bem acompanhadas pelos advogados que iniciaram os processos, pois já faz mais de 20 (vinte) anos que estão trabalhando nos mesmos. E por questões legais não podemos ignorar os seus trabalhos, já que estes resultaram na conquista dos benefícios pleiteados aos trabalhadores em educação.

Informamos também que qualquer contratação particular efetuada pelo trabalhador, de outros advogados, não surtirá efeitos para os processos, apenas acarretará em pagamento adicional de honorários advocatícios pelo trabalhador, o que tem causado um grande tumulto processual e retardamento à marcha processual, o que tem atrasado o recebimento pela categoria dos benefícios alcançados nas ações em fase de liquidação de sentença, ou seja, execução.

Na oportunidade vale relembrar ainda que em outros momentos foram contratados serviços de assessoria jurídica fora do sindicato, com a promessa de recebimento imediato de ações (prazo de seis meses) e já decorreu mais de 3(três) anos e tais promessas não se concretizaram.

Esclarecemos ainda aos trabalhadores em educação que existe um grupo de professores solicitando, dos colegas, dinheiro para deslocamento até Brasília, com promessas de acompanhamento e soluções imediatas das ações patrocinadas pelo Sinter. Desde já vimos esclarecer que a nossa entidade não se responsabilizará e nem arcará com o que vier a correr por parte desse grupo, que não representa o sindicato e que está agindo por conta e riscos próprios, sem nenhum poder de representatividade, isto é, não têm legitimidade para falar em nomes dos senhores. O alerta está feito!

Outrossim, informamos que estaremos denunciando na OAB - Roraima, práticas de cooptação ilegal de clientes, por parte de determinados advogados, de forma, mentirosa e com falsas promessas de recebimento de seus benefícios, em um curto espaço de tempo, deixando os professores bastantes ansiosos, bem como causando prejuízos pra quem efetivamente trabalhou nas respectivas ações.

Desta forma, não se deixem enganar, mais uma vez, por pessoas que não respondem e nem fazem parte da direção deste Sindicato, que de fato e de direito é quem representa os trabalhadores interessados desde o início nas ações judiciais.

Boa Vista, RR 27 de Março de 2018.

A Diretoria do Sinter

O Sinter realiza nos dias 9 e 10 de março o I Encontro de Representantes de Escolas de 2018. O evento está sendo realizado no auditório do Hotel Uiramutam, no Centro de Boa Vista.

Confira a programação do evento

09/03 (SEXTA-FEIRA)

15H: PALESTRA SOBRE ASSÉDIO MORAL E SEXUAL NO AMBIENTE DE TRABALHO - 
Palestrante: Cecilia Katherine;
Mediadora: Antônia Pedrosa.

16H30: Intervalo – Lanche;

17H: MESA REDONDA DAS COMISSÕES - Mediadora: Cecília Melo.

• PLANO DE CARREIRA PARA OS TÉCNICOS EDUCACIONAIS – Michel Nogueira;
• FUNDEB – Cheiliana Lima;
• CONSELHO DE EDUCAÇÃO/SAPEB: Gesiel Silvestre;
• CGPEB – Valdemar Santos;
• FEDERAIS – Ornildo Souza.

18H: DEFINIÇÕES DO PLANO DE LUTA PARA 2018 – Jefferson Dantas.

21H: ATIVIDADE CULTURAL E JANTAR.

10/03 (SÁBADO)

9H: PANORAMA DAS ESCOLAS- Mediadores: Jefferson Dantas e Ornildo Souza.

11H: MESA REDONDA: IDEOLOGIA DE GÊNERO E LEI DA MORDAÇA PL 081
Mediadoras: Antônia Pedrosa e Célia Macêdo. 
Palestrante: Andrea Vasconcelos;
Palestrante: Josinaldo Barboza.

12H: ALMOÇO;

14H: ELABORAÇÃO DAS ESTRATÉGIAS DE LUTA DO SINTER - Mediadores: Jefferson Dantas e Ornildo Souza.

18H: ENCERRAMENTO DO ENCONTRO DE REPRESETANTES.

Página 4 de 6
logooriginal.png

O Sinter originou-se de uma associação denominada APAIMA (Associação dos Professores de Roraima).

© Copyright 2018 Agencia Amazonia digital. All Rights Reserved.

Search